Embraer vende 20 Super Tucano para a Força Aérea dos EUA

Contrato assinado pela Embraer deve gerar receitas de US$ 355 milhões

São Paulo – A Força Aérea dos Estados Unidos selecionou o avião de combate Super Tucano, fabricado pela Embraer, para ser utilizado em treinamentos avançados de vôo, reconhecimento e operações de apoio aéreo.

O contrato alcança 355 milhões de dólares e prevê o fornecimento de vinte aeronaves, assim como apoio terrestre para treinamento de pilotos, manutenção e outros serviços requeridos.

O Super Tucano foi projetado especificamente para missões de contra-insurgência e atualmente é empregado por seis forças aéreas. A aeronave ajudou, por exemplo, o governo colombiano a combater as FARC. Existem mais de 150 aeronaves Super Tucano em operação no mundo todo.

O contrato foi conquistado pela Embraer em parceria com a Sierra Nevada Corporation, que desenvolve soluções tecnológicas para aviões.