Eletrobras recorrerá de decisão da Aneel para devolução de R$3 bi

Segundo a empresa, os números da Aneel são questionáveis e, pelas contas da estatal, a elétrica deve receber R$ 2 bi e não devolver os cerca de R$ 3 bi

Rio de Janeiro – A Eletrobras vai recorrer da decisão da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), que determinou que a estatal devolva cerca de 3 bilhões de reais no fundo do setor elétrico conhecido como Conta de Consumo de Combustíveis (CCC), disse nesta quinta-feira o presidente-executivo da empresa, Wilson Ferreira Jr..

Segundo a empresa, os números da Aneel são questionáveis e, pelas contas da estatal, a elétrica deve receber 2 bilhões de reais e não devolver os cerca de 3 bilhões de reais.

“Não consideramos a hipótese de ter de pagar e há até uma decisão judicial favorável”, disse o CEO a jornalistas após evento com investidores no Rio de Janeiro.

“Já acionamos advogados para tentar um efeito suspensivo na Aneel e um segundo movimento pode se dar na esfera judicial”, adicionou o diretor financeiro da Eletrobras, Armando Casado.

Veja também