Eike recupera “só” US$ 300 mi, apesar de alta das empresas X

Segundo ranking diário da Bloomberg, empresário tem hoje um patrimônio de 20,5 bilhões de dólares e ocupa a 22ª posição entre os mais ricos do mundo

São Paulo – Eike Batista, o homem mais rico do Brasil, recuperou parte da fortuna que havia perdido nos últimos meses, graças à valorização das ações de suas empresas. Apenas no dia de ontem, dia 27, as empresas X renderam “apenas” 316,3 milhões de dólares ao empresário – uma alta de cerca de 8,61%, de acordo com informações da Reuters. 

O montante foi o sucificente para elevar a fortuna do empresário para  20,5 bilhões de dólares e deixá-lo na 22ª posição entre os homens mais ricos do mundo, segundo o ranking diário de bilionários da Bloomberg. A lista aponta ainda que no ano a desvalorização das ações de Eike foram de 8,9%. 

Em março, quando a lista de bilionários da Forbes foi divulgada, Eike somava uma fortuna de 30 bilhões de reais e ocupava o sétimo lugar entre os homens mais ricos do mundo – e, claro, a liderança entre os brasileiros mais endinheirados. Em junho, com a desvalorização das ações de duas empresas, o bilionário despencou na lista e passou a ocupar o 46º lugar.