Marissa Mayer tira executivo nº 2 do Yahoo!

Considerado um dos principais nomes da equipe que ela levou para a companhia, Henrique de Castro ainda não tinha completado um ano e meio de casa

São Paulo – O executivo número dois do Yahoo! deixará a companhia ainda nesta semana. O português Henrique de Castro, chefe de operações da empresa, foi trazido pela presidente Marissa Mayer por uma quantia muito alta do Google, em uma tentativa de reerguer os negócios de publicidade.

De acordo com a imprensa americana, a saída foi motivada pelo fracasso de Castro de atrair mais publicidade para o Yahoo! Marissa e ele já demonstravam que não se entendiam mais diante dos outros executivos da empresa.  O Yahoo! não comentou a respeito, mas Marissa publicou um memorando interno dizendo que tinha tomado a difícil decisão de demitir Castro.

A alteração na liderança da publicidade ocorre ao mesmo tempo em que o Yahoo! permanece perdendo espaço para os concorrentes Facebook e Google. Apesar de ter tentado, Castro não conseguiu convencer os anunciantes a investirem mais.

Fontes ouvidas pelo The Wall Street Journal apontaram que Mayer decidiu demitir o executivo após pressão decorrente do resultado abaixo do esperado.

Expectativas do mercado indicam que Henrique de Castro receberá uma indenização de 42 milhões de dólares por sua saída prematura.