Mercado de bebidas energéticas projeta crescimento de até 15% para os próximos anos

Considerado um dos maiores do mundo, o mercado brasileiro de bebidas energéticas movimenta cerca de R$ 1,5 bilhões por ano. Apenas em 2015, estima-se que foram consumidas no país mais de 390 milhões de latas e, de acordo com pesquisas especializadas, o brasileiro quer mais.

Dados da consultoria Euromonitor revelam que a categoria de energéticos é a que mais cresce no setor. Enquanto o mercado de bebidas não alcoólicas cresceu globalmente na faixa dos 4% nos últimos cinco anos, as bebidas energéticas apresentaram taxa média de 13%, com destaque para os países emergentes.

“As empresas de bebidas energéticas veem a China e o Brasil como mercados-chave para o futuro”, afirma a relatório da Euromonitor, que ainda destaca o aumento de 9% nas vendas de energéticos no Brasil no ano passado. A previsão de especialistas, porém, é de que há potencial para um crescimento de até 15% nos próximos anos.

No Brasil as principais marcas que comercializam energéticos no país, associam o seu consumo à noite, baladas, festas e na maioria das vezes, combinados com bebidas alcoólicas, mas há também a disseminação do consumo ligado aos esportes radicais. A nova geração saúde e o apelo cada vez mais forte pela vida saudável, tem provocado uma mudança comportamental na sociedade em geral, por isso, a emergência de produtos saudáveis tem sido cada vez mais constante neste novo mercado.

Nos últimos anos, houve uma corrida dos energéticos e uma disputa pela conquista de uma parte deste novo e promissor mercado, então grandes marcas lançaram bebidas em geral com zero açúcar. A Coca-Cola, por exemplo, lançou recentemente a “Coca Verde”, que promete 50% menos de açúcares e é adoçada com stevia, um adoçante de origem natural. Contudo, a quantidade maior de sódio e o sabor pouco similar ao da versão original foram alvos de críticas em testes feitos com consumidores.

O próprio relatório da Euromonitor aponta para uma tendência das novas gerações de consumidores demonstrarem cada vez mais preocupação com a saúde, o que tem provocado uma mudança comportamental não apenas no mercado de energéticos, mas no segmento de bebidas em geral, com a emergência de produtos mais saudáveis.

Diante deste cenário, surge um novo conceito de bebida energética no Brasil: o Life Booster Energy Drink que é uma verdadeira inovação no mercado de energéticos do país; possui uma tabela nutricional inovadora com 0% açúcares, 0% gorduras, 0% carboidratos, 0% calorias, baixo teor de sódio (13mg) além de um sabor incomparável.

O life ultra zero é a primeira bebida energética funcional focada em saúde, é um produto premium que acelera o metabolismo, e tem função diurética. Por causa dessa combinação, seu consumo é recomendado até mesmo para diabéticos, explica a fabricante.

“É esperado que as fabricantes de bebidas energéticas comecem a lançar variações mais naturais, com pouca ou nenhuma caloria e menores quantidades de cafeína para atender às novas exigências dos consumidores e dos órgãos de regulamentação”, ressalta a relatório Euromonitor.
Distribuição

Por se tratar de uma bebida premium, a Life Booster Energy Drink adotou uma estratégia diferente para a introduzir o Ultra Life Zero no concorrido mercado de energéticos: enquanto a maioria das marcas opta por associar seus produtos à noite, o novo energético é focado no dia, no cotidiano das pessoas, mirando consumidores que frequentam academias e procuram um estilo de vida mais saudável.

Uma pesquisa da consultoria internacional Mintel, feita com consumidores europeus, revelou que 41% deles estão dispostos a pagar mais por energéticos mais saudáveis. Mais do que isso, de acordo com os dados da empresa, 24% dos energéticos lançados no velho continente em 2014 afirmavam ser naturais. Em 2012, esse número era de apenas 17%, o que sinaliza para uma nova tendência no setor, liderada no Brasil pela Life Booster Energy Drink.

Distribuição

Lançado em setembro do ano passado, o Life Ultra Zero já está disponível nas gôndolas de grandes redes de hipermercados, como Extra e Pão de Açúcar. Além disso, por ter um viés funcional, que ajuda na aceleração do metabolismo, ele também é vendido em lojas de suplementos, para atrair a atenção dos adeptos de atividades físicas.

Contudo, uma das grandes inovações na comercialização do produto é que a fabricante decidiu vendê-lo também pela internet, em uma plataforma de e-commerce exclusiva, o que é uma novidade no mercado, já que nenhum outro energético vendido no Brasil possui loja virtual própria.

“Essa facilidade faz parte de um novo modelo de negócio e de uma estratégia arrojada de inserção do nosso produto”, diz Rossetti. Ele destaca ainda que o novo energético possui todas as certificações da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

A fórmula exclusiva do Ultra Life Zero foi desenvolvida pelo próprio CEO, que há mais de 19 anos atua no mercado de bebidas energéticas do Brasil, com passagem pelos principais players do setor. O design e toda a concepção do produto também foram acompanhados de perto pelo executivo.

“Criar o Ultra Life Zero foi um grande desafio, mas o resultado foi surpreendente. Conseguimos uma combinação que concilia zero açúcar com um sabor incomparável. Não é um energético como os outros, mas sim uma bebida funcional ultra zero, focada na saúde das pessoas. Na verdade, trata-se de um novo conceito de bebida energética que já começa a ser tendência para o resto do mundo”, afirma Rossetti.

Com o slogan: “Boost your life!” (Impulsione sua vida) o “energético saúde” possui uma identidade visual inovadora com embalagem e design arrojado. Os embaixadores da marca no Brasil são a modelo Juju Salimeni e o atleta Felipe Franco (IFBB Pro), duas referências no mercado fitness brasileiro.

Com apoio do empresário Guilherme Rocha, Rildo deu início ao projeto, logo depois, fechou parceria também com o empresário Maurício Vaz, que o ajudou a fechar com um poderoso grupo de investidores internacionais liderado pelo renomado empresário Samir A Jaber que está investindo pesado e apostando no sucesso da marca não apenas no mercado nacional, como também no internacional.

Segundo o CEO da Life Booster Energy Drink, o desempenho das vendas no Brasil superou todas as expectativas, e embora ele não revele números, devido à boa aceitação do produto no mercado, ainda este ano, o novo energético será comercializado nos Estados Unidos, China, Emirados Árabes, Líbano, Paraguai, Argentina, Colômbia e Panamá.

Site: www.lifeboosterenergydrink.com.br
Loja Virtual: www.lifeultrazero.com.br