Colômbia pede para agilizar investigação sobre Odebrecht no país

Em dezembro, a Colômbia anunciou o cancelamento dos contratos, em que se comprovem atos de corrupção da Odebrecht

O presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, pediu ao Ministério Público, nesta quinta-feira (12), que agilize as investigações sobre eventuais subornos a funcionários colombianos por parte da construtora Odebrecht.

“Pedimos ao Ministério Público que acelere as investigações”, disse o mandatário em entrevista à Rádio Caracol, destacando que o ente acusador “fez um trabalho muito importante” sobre o caso.

Em dezembro, a Colômbia anunciou o cancelamento dos contratos, em que se comprovem atos de corrupção da Odebrecht.