Cade aprova negócio entre GE e CDPQ

Trata-se de uma operação para constituição de joint venture, que atuará como plataforma global de financiamento de aeronaves

Brasília – A Superintendência Geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou sem restrições o ato de concentração envolvendo a General Electric Company e a Caísse de Dépôt Et Placement Du Québec (CDPQ).

Segundo o Cade, trata-se de uma operação para constituição de joint venture, que atuará como plataforma global de financiamento de aeronaves denominada Einn Volant Aircraft Leasing Holdings Ltd. (o “VEÍCULO”).

A parceria entre as empresas terá como principais atividades: constituir-se em plataforma de securitização responsável pela aquisição de aeronaves comerciais e jatos modernos de companhias aéreas diversas; viabilizar o arrendamento, por meio de leasing de longo prazo, dessas mesmas aeronaves; e alienação de aeronaves.