Cade aprova compra da Celg pela Enel sem restrições

Cade aprovou, sem restrições, a compra da distribuidora da Celg pela italiana Enel

Brasília – O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou, sem restrições, a compra da distribuidora de energia de Goiás Celg pela empresa Enel Brasil S/A.

A aprovação do ato de concentração foi publicada no Diário Oficial desta terça-feira, 27.

O leilão da distribuidora goiana ocorreu no fim de novembro. Controlada pela Eletrobras, a Celg foi arrematada pela italiana Enel por R$ 2,187 bilhões.

A Enel foi a única a apresentar proposta no leilão, a primeira privatização do governo Michel Temer.