Brasil Foods troca ativos por operação da Marfrig na Argentina

Marfrig fará ainda pagamento adicional de R$ 200 milhões pela operação de permuta

Ao contrário do que informou a primeira versão desta nota, a troca de ativos entre Marfrig e Brasil Foods não envolve a marca Sadia. Segue a correção:

São Paulo – A Brasil Foods (BRF) firmou, nesta quinta-feira, contrato de permuta de ativos com a Marfrig. A operação vai uma série de marcas e ativos da BRF, e algumas operações na Argentina da Marfrig.

Segundo comunicado divulgado ao mercado, a Marfrig ficará com as marcas, todos os bens das unidades produtivas, inclusive imóveis, instalações e equipamentos,  todos os bens de oito centros de distribuição, a capacidade produtiva  e a totalidade da participação acionária detida pela Sadia no capital da Excelsior Alimentos, que equivale 64,57% de participação.

Já a BRF receberá em troca todos os ativos localizados na Argentina da marca Paty, líder no mercado de hambúrguer no país, e suas unidades de processamento, todas as marcas e patentes, as granjas de suínos e propriedade rural, as operações da marca no Uruguai e Chile e o pagamento adicional de 200 milhões de reais.

A operação é parte do cumprimento do acordo firmado entre a BRF e o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), em julho deste ano. Na ocasião, a companhia se comprometeu a alienar ou trocar ativos, para que a fusão entre a Perdigão e Sadia fosse aprovada.

De acordo com comunicado, a celebração do contrato passará pela avaliação e aprovação do Cade.

Atualizado às 12h40