BB vai acelerar serviço digital e busca retorno, diz Caffarelli

Presidente do banco reiterou que a entidade se concentrará apenas em reduzir a diferença entre seu retorno sobre patrimônio e o de seus rivais

São Paulo – O Banco do Brasil vai acelerar a implantação de serviços bancários digitais para 63 milhões de clientes, a fim de impulsionar a lucratividade e reduzir custos operacionais, afirmou nesta sexta-feira o presidente do banco, Paulo Rogerio Caffarelli.

Em teleconferência sobre os resultados do quarto trimestre, Caffarelli reiterou que o banco de controle estatal se concentrará apenas em reduzir a diferença entre seu retorno sobre patrimônio e o de seus rivais.