Arauco firma acordo para comprar ativos da Masisa no Brasil

Transação, avaliada em 102,8 milhões de dólares, permitirá à empresa se consolidar como segundo maior produtor mundial de placas do mundo

Santiago – O grupo florestal chileno Arauco informou nesta sexta-feira que chegou a um acordo para adquirir os complexos industriais da Masisa no Brasil, em uma transação avaliada em 102,8 milhões de dólares que permitirá à empresa se consolidar como segundo maior produtor mundial de placas do mundo.

O acordo da Arauco, divisão florestal da Copec, prevê a aquisição de fábricas localizadas em Ponta Grossa, no Paraná, e Montenegro, no Rio Grande do Sul, fazendo parte do plano de desinvestimento da Masisa no Brasil.

“Caso a transação se materialize, a Arauco teria uma capacidade instalada de cerca de 10 milhões de metros cúbicos, consolidando sua posição como segundo produtor em nível mundial”, informou a companhia ao órgão regulador chileno.

A nova expansão da Arauco, que também é uma das maiores produtoras de celulose do mundo, ocorre após o fracasso das negociações do grupo chileno com a J&F Investimentos pela Eldorado Brasil.