Anfitriões do Airbnb nos países do BRICS faturam US$ 467 milhões

Apenas no ano passado, 5,36 milhões de pessoas se hospedaram no ano passado pelo Airbnb no Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul

São Paulo – O Airbnb divulgou nesta sexta, dia 8, números do negócio no ano passado na região dos BRICS, países com alto potencial de geração de faturamento para a plataforma – países que combinam atrações turísticas com necessidade de renda extra da população.

De acordo com dados da companhia, 5,36 milhões de pessoas se hospedaram no ano passado pelo Airbnb no Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul. Juntos, os anfitriões faturaram 467 milhões de dólares, graças a procura 134% maior pelos turistas por hospedagem nesses locais.

A demanda, por sinal, tem sido maior entre as pessoas desses países. Tanto que, no período, os anfitriões do Brasil receberam o dobro dos turistas chineses, aponta o balanço. A receita dos brasileiros com a hospedagem de pessoas vindas dos países do BRICS foi de 1,1 milhão de dólares.