Amazon é condenada no Canadá por políticas de preços enganosas

O Canadá determinou que a empresa "se apoiou nos preços sugeridos por seus fornecedores sem verificar com exatidão" para colocar seus produtos à venda

A filial canadense da Amazon foi condenada a pagar 1,1 milhão de dólares canadenses (US$ 840.000) por suas políticas de preços consideradas enganosas – anunciou o governo nesta quarta-feira (11).

Após uma investigação de vários meses entre 2014 e 2015, o órgão regulador canadense de concorrência determinou que a empresa “se apoiou nos preços sugeridos por seus fornecedores sem verificar com exatidão” para colocar seus produtos à venda, com o objetivo de fixar um preço final – a priori vantajoso – para o consumidor.

Proibida no Canadá, essa prática permite a um vendedor estabelecer um preço de origem artificialmente inflado, além de propor uma importante redução sobre o artigo para atrair consumidores. Esses “preços reduzidos” são, na verdade, próximos aos preços de mercado.

Segundo o governo, o preço original dos artigos vendidos on-line não deve ser inflado para fazer os consumidores acreditarem que estão economizando.

A Amazon mudou sua política de estabelecimento de preços em seu site no Canadá.

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s