AES Brasil tem interesse em parcela da Eletropaulo nas mãos do BNDES

Britaldo Soares, presidente do grupo, afirmou que matriz americana vê Brasil como estratégico

São Paulo – O presidente da AES Brasil, grupo que controla a Eletropaulo, Britaldo Soares, afirmou que a empresa tem o interesse na parcela de 49% da Brasiliana – holding que controla a AES Eletropaulo e a geradora AES Tietê — que hoje está nas mãos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

“A visão da AES é que o Brasil é estratégico. Caso venha a ocorrer um processo de venda, a AES vai se preparar”, disse ele que acaba de retornar de uma reunião com executivos da matriz americana. “Toda a indicação que tenho da AES é de interesse no Brasil”.

Nesta terça-feira (5/7) voltaram a circular rumores sobre a venda da parcela do BNDES, desta vez com a informação de que o banco de fomento já teria contratado um banco para estruturar o leilão. No entanto, Bitraldo Soares afirma que até o momento não recebeu nenhum comunicado oficial do BNDES.

Um dos compradores mais cotados por analistas é a CPFL. Sobre a possível entrada do concorrente, Bitraldo se esquiva. “Não tenho como avaliar o potencial de terceiros interessados.”