UE “não precisa de conselhos externos”, responde Hollande a Trump

Trump considerou uma boa decisão a saída do Reino Unido do bloco europeu e previu que "outros países deixarão" a UE

A União Europeia “não precisa de conselhos externos” para tomar suas decisões, afirmou o presidente francês, François Hollande, nesta segunda-feira, em resposta às críticas do presidente eleito americano, Donald Trump, sobre a UE.

“Afirmo aqui, a Europa estará sempre disposta a continuar com a cooperação transatlântica, mas esta será determinada em função de seus interesses e seus valores. Não precisa de conselhos externos para lhe dizer o que tem que fazer”, declarou Hollande, ao condecorar, em Paris, a embaixadora americana em fim de missão, Jane Hartley.

Em declarações aos jornais The Times e Bild, Trump considerou uma boa decisão a saída do Reino Unido do bloco europeu e previu que “outros países deixarão” a UE, segundo ele, por causa da crise migratória.

O futuro presidente previu também que o Brexit será um sucesso e qualificou de “erro catastrófico” a decisão da chanceler alemã, Angela Merkel, de acolher imigrantes “ilegais”.

Veja também