Turquia prende suspeitos de planejar ataques do EI na Europa

A polícia interrogou os suspeitos por 10 dias na província de Adana, no sul da Turquia

Istambul – A agência de notícias estatal da Turquia informou a prisão de dois homens suspeitos de planejar ataques do grupo extremista Estado Islâmicos na Europa.

A agência Anadolu disse neste sábado que Mahamad Laban, de 45 anos, um cidadão dinamarquês de origem libanesa, e Mohammed Tefik Saleh, de 38, um sueco de origem iraquiana, receberam treinamento em armas e explosivos na Síria nos últimos três meses.

De acordo com a agência, a polícia interrogou os suspeitos por 10 dias na província de Adana, no sul da Turquia.

A reportagem afirma que a esposa de Saleh informou às autoridades suecas que ele atravessou a fronteira da Turquia com a Síria e se associou ao Estado Islâmico juntamente com suas duas filhas. A esposa não foi para e Síria e voltou para a Suécia.

Anadolu informou que fotos encontradas com Laban o mostravam em trincheiras, usando camuflagem e segurando uma metralhadora.

Fonte: Associated Press