Turquia diz que EI matou 30 civis em Al Bab, no norte da Síria

O EI teria minado as estradas de saída de Al Bab para forçar os civis a ficarem no território sob seu controle

Istambul, 26 dez (EFE).- O grupo terrorista Estado Islâmico (EI) matou pelo menos 30 civis em um ataque em Al Bab, no norte da Síria, para evitar a fuga da população dessa cidade, afirmou nesta segunda-feira o Exército turco em comunicado.

Segundo a nota militar turca, o ataque aconteceu ontem e nele houve muitos feridos.

O EI teria minado as estradas de saída de Al Bab para forçar os civis a ficarem no território sob seu controle.

Por outro lado, o Exército turco afirma ter destruído 113 alvos do EI na zona: minas, postos de controle e armazéns.

A Turquia aumentou sua presença em Al Bab no marco da operação militar “Escudo de Eufrates”, lançada em agosto no norte da Síria com o objetivo de expulsar os jihadistas e as guerrilhas curdas da zona fronteiriça entre Síria e Turquia.

O Exército turco enviou cerca de 1,1 mil soldados à Síria, onde combatem junto a unidades do opositor Exército Livre Sírio (ELS).

Até agora morreram 37 soldados turcos, 16 deles na quarta-feira passada.