Trump é confirmado como candidato pelo Partido Republicano

Bilionário conseguiu mais do que o mínimo de votos para oficializar indicação

Cleveland – O empresario Donald Trump foi eleito oficialmente nesta terça-feira como candidato do Partido Republicano à presidência dos Estados Unidos para as eleições de novembro durante a convenção nacional de sua legenda, que acontece em Cleveland.

Na votação realizada durante a convenção, Trump, que não esteve presente e deve aceitar a candidatura, conseguiu mais do que os 1.237 votos dos delegados do partido – os responsáveis pela escolha -, o mínimo necessário para oficializar a indicação.

Vários estados decidiram ceder sua vez de votar, que seguia inicialmente a ordem alfabética, para que as contas permitissem que Nova York declarasse a vitória de Donald Trump.

O primogênito de Trump, Donald Jr, acompanhado de sua irmã Ivanka e de seu irmão Eric, leu a designação de delegados do estado de Nova York com o qual foi ultrapassado o limite necessário de votos para formalizar a indicação.

“É uma honra incrível ter sido parte desta viagem”, declarou o filho de Trump no palanque montado na Quicken Loans Arena, ginásio que recebe a convenção e é a casa do Cleveland Cavaliers, da NBA.

“Isto já não é uma campanha, é um movimento”, ressaltou Trump Jr ao anunciar que seu pai conquistou o apoio de 89 dos 95 delegados republicanos do estado natal de seu pai.

Com isso, Donald Trump tornou-se o indicado oficial do Partido Republicano, e só resta que aceite a candidatura na quinta-feira em seu discurso de fechamento da convenção que começou nesta segunda-feira.

As votações, estado por estado, não deram margem para protestos significativos como os ocorridos ontem entre delegados que se opunham à candidatura de Trump e exigiam uma mudança das regras do processo de escolha.

Texto atualizado às 23h52