Terroristas não derrotarão um povo unido, diz presidente espanhol

Rajoy foi para Barcelona para acompanhar de perto a atuação das autoridades após o ação terrorista em Las Ramblas

Madri – O presidente do Governo da Espanha, Mariano Rajoy, afirmou nesta quinta-feira, após o atentado ocorrido hoje em Barcelona, que os “terroristas nunca derrotarão um povo unido que ama a liberdade frente à barbárie”.

Rajoy, que escreveu a mensagem sobre o ataque no Twitter, foi para Barcelona para acompanhar de perto a atuação das autoridades após o ação terrorista em Las Ramblas, uma das principais regiões turísticas da cidade, que deixou 13 mortos e mais de 80 feridos.

“Os terroristas nunca derrotarão um povo unido que ama a liberdade frente à barbárie. Toda a Espanha está com as vítimas e as famílias”, escreveu o chefe do Executivo do país no Twitter.

Em uma mensagem posterior, Rajoy pediu “máxima coordenação” para deter os autores, reforçar a segurança no país e atender a todas as vítimas. O presidente do Governo da Espanha também solicitou que a população fique unida neste momento de tragédia.

Também no Twitter, o rei Felipe VI da Espanha condenou o atentado e afirmou que os autores são “assassinos, simplesmente uns criminosos que não vão nos aterrorizar”.

“Toda a Espanha é Barcelona. Las Rambas voltarão a ser de todos”, escreveu o monarca.