Terremoto de 6,9 graus deixa um morto no sul do México

Abalos também foram sentidos em algumas regiões do México e na Guatemala

Palenque (México) – Uma pessoa morreu nesta segunda-feira vítima do terremoto de 6,9 graus de magnitude que sacudiu o estado de Chiapas, sul do México, perto da fronteira com a Guatemala, país que também foi abalado.

Um homem morreu em Huixtla, segundo o Serviço de Proteção Civil de Chiapas.

O Serviço Sismológico Nacional (SSN) ajustou a magnitude de 7,1 que havia sido anunciada inicialmente pelo Centro Geológico dos Estados Unidos (USGS) e informou que o terremoto aconteceu às 11H24 GMT (8H24 de Brasília), 47 km ao sul de Tapachula, perto da fronteira com a Guatemala, a uma profundidade de 92 km.

O coordenador nacional de Proteção Civil, Luis Felipe Puente, informou ao canal de televisão Milenio que Chiapas registrou leves danos em sua infraestrutura.

Na Cidade do México, a 1.082 km de Tapachula, o terremoto foi sentido em algumas partes, mas sem danos ou feridos.

Na Guatemala, o tremor foi sentido com força e deixaram um ferido na cidade de San Marcos (300 km ao oeste da capital).

O tremor também foi sentido em El Salvador e provocou alarme, mas não deixou vítimas ou danos, segundo o Observatório Ambiental Nacional.