Síria anuncia cessar-fogo que começará à meia-noite

O cessar-fogo exclui as duas organizações consideradas terroristas Estado Islâmico (EI) e Frente da Conquista do Levante

Cairo – O Comando Geral do Exército e as Forças Armadas da Síria anunciaram nesta quinta-feira um cessar-fogo em todo o território nacional a partir da meia-noite (hora local; 19h em Brasília), informou a agência oficial “Sana”.

O cessar-fogo exclui as duas organizações consideradas terroristas Estado Islâmico (EI) e Frente da Conquista do Levante (antiga Frente al Nusra, braço sírio da Al Qaeda) e os grupos vinculados a eles, segundo a nota.

O comunicado, que se refere à Frente da Conquista do Levante com o antigo nome “Frente al Nusra”, explicou que esse grupo, que luta ao lado dos rebeldes em várias frentes, foi excluído das negociações por ser “terrorista”.

O acordo tem como objetivo “preparar uma situação adequada para apoiar uma solução política à crise na Síria”, segundo o Comando, que destacou as “vitórias” conquistadas recentemente pelas forças dirigidas pelo presidente Bashar al Assad.

A trégua foi anunciada pelo presidente russo, Vladimir Putin, que é o principal aliado de Damasco, e pelo governo turco, que apoia os insurgentes. Putin afirmou que ambas as partes se comprometem a “iniciar negociações de paz para a regulação” do conflito sírio.