Setor de inteligência dos EUA chama Rússia de ameaça cibernética

"A Rússia é um ator cibernético de alcance total que representa uma grande ameaça a governo", disseram chefes

A Rússia é uma grande ameaça de larga escala aos interesses dos Estados Unidos devido ao “programa cibernético ofensivo altamento avançado” e às capacidades sofisticadas do país, disseram autoridades do setor de inteligência norte-americano nesta quinta-feira.

“A Rússia é um ator cibernético de alcance total que representa uma grande ameaça a governo, Forças Armadas, diplomacia, comércio e infraestrutura fundamental dos EUA”, disseram James Clapper, diretor de Inteligência Nacional, Marcel Lettre, subsecretário de Defesa para inteligência, e Michael Rogers, diretor da Agência de Segurança Nacional, em depoimento conjunto para audência no Comitê de Serviços Armados do Senado.