Seleção chilena é punida pela Fifa por homofobia de torcedores

A decisão foi tomada pela Comissão Disciplinar da entidade internacional e afeta a disputa das partidas contra Venezuela e Paraguai

Redação Central – A seleção chilena terá que fazer os dois próximos jogos nas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018 fora do Estádio Nacional de Santiago, conforme determinou nesta segunda-feira a Fifa, como punição por comportamento homofóbico de torcedores.

A decisão foi tomada pela Comissão Disciplinar da entidade internacional e afeta a disputa das partidas contra Venezuela, em março do ano que vem, e Paraguai, que está marcado para acontecer apenas em agosto de 2017.

Além disso, a federação chilena terá que pagar multa de 30 mil francos suíços (R$ 98,2 mil).