Romney vence caucus de Iowa por apenas 8 votos de diferença

Político republicano venceu o ex-senador Rick Santorum com uma diferença pequena, com 30.015 votos, frente aos 30.007 de seu concorrente

Des Moines – Os caucus (assembleias populares) republicanos de Iowa, que deram início à corrida pela Casa Branca na noite desta terça-feira, tiveram vitória do ex-governador de Massachusetts Mitt Romney por apenas oito votos sobre o ex-senador Rick Santorum.

Foi preciso esperar até a última urna para desfazer o que na realidade é um empate técnico, no qual os dois aspirantes receberam 25% dos sufrágios: Romney obteve 30.015 votos, frente aos 30.007 de Santorum.

Trata-se do resultado mais apertado da história dos caucus, o que demonstra as profundas divisões entre os eleitores republicanos sobre seus candidatos e a dúvida com relação ao mais bem qualificado para desafiar o atual presidente, Barack Obama, nas eleições de novembro.

‘Este é o primeiro passo para recuperar o governo do país’, disse um exultante Santorum em declarações a seus partidários em Des Moines, a capital deste estado do meio oeste dos EUA.

Romney, por sua vez, quis projetar uma imagem presidencial e se mostrou indiferente aos resultados da noite para arremeter diretamente contra Obama.

‘Praticamente tudo o que este presidente fez dificultou a prosperidade dos negócios’, avaliou o pré-candidato, que prometeu, se eleito em novembro, fazer dos EUA ‘novamente um lugar que atraia os melhores investidores’.

Em terceiro lugar ficou o congressista Ron Paul, que obteve 21,3% dos votos, seguido pelo ex-presidente da Câmara de Representantes Newt Gingrich, com 13% dos votos, e o governador do Texas, Rick Perry, com 10,3%.

Após o fraco resultado, Perry anunciou que retornará ao Texas para ‘determinar se há algum caminho aberto para mim nesta corrida’, uma declaração interpretada como sinal de um abandono mais ou menos iminente.

Michele Bachmann obteve o último posto, com apenas 5% dos sufrágios, um resultado muito decepcionante para esta nativa do estado que no último verão liderava as pesquisas.

Apesar disso, a congressista insistiu que, pelo menos por enquanto, continuará na corrida presidencial.

Nos caucus desta terça-feira estavam em jogo 28 delegados para a convenção republicana da Flórida, em agosto, quando sairá oficialmente o nome do candidato deste partido.


O passo seguinte do processo acontecerá na próxima terça-feira, quando o estado de New Hampshire realizará suas primárias. Lá concorrerá também Jon Huntsman, ex-governador de Utah, que renunciou a Iowa por ter poucas chances.

Pelas últimas enquetes, o favorito absoluto em New Hampshire é Romney, tido pelos analistas como o pré-candidato com mais possibilidade de derrotar o presidente Barack Obama.

No entanto, após os resultados desta noite Santorum, um candidato que até agora vinha sendo pouco especulado pela imprensa, ganhou novo ânimo.

O ex-senador, que representa a corrente evangélica e mais conservadora do Partido Republicano, pode beneficiar-se do voto dos simpatizantes desta formação que não veem Romney com bons olhos, seja por sua imagem de privilegiado econômico ou por ser mórmon.

Um bom resultado de Santorum em New Hampshire o transformaria no ‘anti-Romney’ e poderia anunciar o começo de uma campanha prolongada.

Não se pode esquecer, porém, que até o momento a corrida republicana foi uma verdadeira montanha russa para os candidatos, já que praticamente todos – salvo Huntsman – foram favoritos em um ou outro momento.

Nesta terça, Santorum pode ter recebido o impulso necessário para manter-se por cima, mas, se o eleitorado republicano mantiver sua indecisão, sua grande noite pode acabar sendo apenas seus 15 minutos de fama eleitoral.