Príncipe volta a andar de metrô em Londres depois de 33 anos

O passeio faz parte das comemorações dos 150 deste meio de transporte público na capital do país

Londres – Pela primeira vez em 33 anos, o príncipe Charles utilizou o metrô de Londres nesta quarta-feira, acompanhado de sua esposa Camilla, como parte das comemorações dos 150 deste meio de transporte público na capital do país.

O herdeiro do trono britânico fez um curto trajeto na linha metropolitana, de apenas três minutos, entre as estações de Farringdon até a movimentada King’s Cross. Durante a viagem, policiais impediram que a pessoas se aproximassem demais do casal real, informa a imprensa britânica.

O metrô londrino, o mais antigo do mundo, completou 150 anos no último dia 9 de janeiro.

Nesta data, em 1863, foi inaugurada a linha metropolitana, conhecida como ‘Tube’, que ligou três estações do norte Paddington, Eustion e King’s Cross, com o centro da cidade, em Farringdon.

Durante a visita, funcionários do metrô entregaram ao príncipe Charles e a Camilla cartões de recarga – com edições limitadas dedicadas a data histórica -, para a entrada do casal no metrô.

Em King’s Cross, o casal real visitou a ‘Plataforma 9 3/4’, local de onde parte o famoso ‘Hogwarts Express’ rumo à escola de magia, palco das aventuras do mago Harry Potter, da autora britânica J.K. Rowling.

A última vez que o príncipe de Gales utilizou o metrô de Londres foi em abril de 1979. Na época, o herdeiro inaugurou a última parte da linha Jubilee.