Polícia encontra fossa com 20 corpos no Mali

As autoridades malinesas encontraram uma fossa com 20 corpos em Diaguo, na periferia da capital Bamaco

Bamaco – As autoridades malinesas encontraram nesta quarta-feira uma fossa com 20 corpos em Diaguo, na periferia da capital Bamaco, informou hoje à Agência Efe uma fonte judicial.

Os corpos, encontrados nesta madrugada, poderiam ser de “boinas vermelhas”, os militares que escoltavam o deposto presidente Amadou Toumani Touré, mortos em uma tentativa de contra-ataque de Estado de abril de 2012, segundo a fonte.

A fossa fica a cerca de cinco quilômetros de Kati, o reduto do general Amadou Haye Sanogo, comandante dos golpistas e detido há uma semana pela morte dos “boinas vermelhas”.

À frente de um grupo de policiais e soldados, Sanogo derrubou o presidente Touré em 22 de março de 2012 e, um mês depois, um grupo de militares fiéis ao chefe deposto de Estado lançaram um contra-ataque no qual morreram vários deles e o restante desapareceu.

Na semana passada, a justiça malinesa acusou Sanogo dos homicídios no episódio do contra-ataque.

Segundo a fonte relatou à Efe, o juiz encarregado do caso, Yaya Karembe, esteve presente no local onde foram localizados e recuperados os corpos.

A mesma fonte contou que a informação sobre a localização da fossa foi obtida nos interrogatórios aos colaboradores de Sanogo, 15 dos quais permanecem detidos por este caso.