ONU se preocupa com tom xenófobo de medidas para imigrantes

ONU manifestou sua preocupação com o tom xenófobo de iniciativas aprovadas na Suíça contra imigração

Genebra – A ONU manifestou nesta sexta-feira sua preocupação com o “tom xenófobo” de diversas iniciativas populares que foram aprovadas em plebiscito na Suíça, como a proposta de um partido da direita nacionalista “contra a imigração em massa”, votada há menos de duas semanas.

O Comitê da ONU para a eliminação da discriminação racial, presidido pelo jurista José Francisco Calí, apresentou hoje suas conclusões após examinar a situação do problema em vários países, entre eles a Suíça.

Além da proposta sobre imigração, que limita a entrada de trabalhadores estrangeiros no país com o estabelecimento de cotas, nos últimos anos outras iniciativas foram lançadas, como a que proíbe a construção de minaretes – as torres de oração muçulmanas – em todo o país desde 2009 e, na região do Tessino, a proibição de véus e burcas desde o ano passado.

O Comitê também se refere a outra iniciativa, aprovada em 2010, para a expulsão de imigrantes com antecedentes criminais.