ONU condena ataque contra embaixador russo na Turquia

O embaixador foi baleado na abertura de uma exposição fotográfica por um homem que lançou gritos sobre Aleppo e Síria após o ataque

Nações Unidas – As Nações Unidas condenaram nesta segunda-feira o ataque contra o embaixador da Rússia na Turquia, Andrey Karlov, que morreu após ser baleado em Ancara.

“É claro que condenamos o ataque contra o embaixador russo na Turquia. Nada justifica um ataque contra um diplomata”, disse Stéphane Dujarric, porta-voz do secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon.

Dujarric concedeu entrevista momentos antes de o Ministério das Relações Exteriores da Rússia confirmar a morte de Karlov.

O embaixador foi baleado na abertura de uma exposição fotográfica por um homem que lançou gritos sobre Aleppo e Síria após o ataque, em alusão à intervenção militar russa no país árabe.

“Não se esqueçam de Aleppo, não se esqueçam da Síria! A menos que nós estejamos todos seguros, vocês também não sentirão segurança. Voltem, voltem! Todos aqueles que compactuarem com esta opressão e tortura pagarão por isso”, exclamou o homem em turco após atirar várias vezes.