Ofensiva da Otan abate 50 fundamentalistas no leste do Afeganistão

Ataque ocorreu depois que forças internacionais foram atacadas com lança-granadas e rifles de assalto a partir de diversos pontos

Cabul – Pelo menos 50 insurgentes morreram desde a noite desta quinta-feira em uma operação das forças da Otan na conflituosa província de Paktika, no leste do Afeganistão, informou hoje o organismo multilateral.

A Força Internacional de Assistência à Segurança (Isaf, na sigla em inglês) explicou em comunicado que a ofensiva aconteceu no distrito de Sa’ar Rowzah e tinha como alvo um centro de treinamento da rede Haqqani, uma das facções mais radicais dos insurgentes afegãos.

Segundo a nota, as forças internacionais foram atacadas na noite de ontem com lança-granadas e rifles de assalto a partir de diversos pontos, mas responderam abrindo fogo e abateram 30 fundamentalistas.

As tropas estrangeiras continuaram a operação no começo da manhã de hoje e mataram outros 20 insurgentes.

A insurgência é especialmente ativa no cinto sudeste do Afeganistão e nas zonas limítrofes com o Paquistão, como é o caso de Paktika.