Obama se encontrará com parlamentares para proteger lei de saúde

Obama, que deixa o posto em 20 de janeiro, terá um encontro com democratas da Câmara e do Senado na quarta-feira

O presidente dos Estados Unidos Barack Obama planeja encontrar-se com parlamentares democratas no Congresso na próxima semana para discutir como proteger a lei de saúde dos esforços republicanos de desmantelá-la, disse uma autoridade da Casa Branca nesta sexta-feira.

Obama, que deixa o posto em 20 de janeiro, terá um encontro com democratas da Câmara e do Senado na quarta-feira, disse a autoridade.

Durante a conversa, Obama alertará os democratas que permitir que republicanos eliminem o Ato de Cuidados Acessíveis sem propor uma medida substituta pode criar “caos” no sistema de saúde norte americano, segundo a autoridade.

Os republicanos, que controlam as duas Casas do Congresso, têm dito que irão revogar rapidamente o chamado Obamacare, mas irão postergar a efetiva anulação do programa por dois a três anos, enquanto desenvolvem um novo plano.

O presidente eleito republicando Donald Trump fez sua campanha com a promessa de livrar-se da lei de saúde de 2010. Ele prometeu substituir a lei por um plano que dê aos Estados maior controle sobre o Medicaid e permita que as seguradoras vendam planos nacionalmente.