Número de mortos em ataque com gás tóxico sobe para 53 na Síria

O bombardeio aconteceu na região de Aquirabat, na província de Hama, que está sob controle do grupo terrorista Estado Islâmico

Beirute – O número de mortos pelo suposto ataque com gases tóxicos realizado por aviões de guerra de origem desconhecida na Síria aumentou para 53, segundo a última apuração do Observatório Sírio de Direitos Humanos.

Segundo a ONG, o bombardeio aconteceu na região de Aquirabat, na província de Hama, que está sob controle do grupo terrorista Estado Islâmico (EI).

O Observatório, citando testemunhas, apontou que os projéteis continham substâncias tóxicas que causaram sintomas de asfixia.