Novo míssil pode transportar ogiva nuclear, diz Coreia do Norte

A Coreia do Norte anunciou na véspera que tinha testado pela 1ª vez com sucesso um míssil intercontinental capaz de atingir "qualquer parte do mundo"

Seul – O regime da Coreia do Norte afirmou nesta quarta-feira (data local) que o novo modelo de míssil balístico intercontinental (ICBM) testado pelo país pode transportar uma ogiva nuclear de grande tamanho, informou a agência estatal “KCNA”.

“O último lançamento foi feito para testar o novo foguete balístico intercontinental com capacidade de carregar uma grande ogiva nuclear”, indicou a nota da “KCNA”, que traz mais detalhes sobre o último teste realizado pelo regime de Kim Jong-un.

A Coreia do Norte anunciou na véspera na emissora estatal que tinha testado pela primeira vez com sucesso um míssil balístico intercontinental capaz de atingir “qualquer parte do mundo”.

Segundo os veículos oficiais do regime, o novo míssil foi batizado como Hwasong-14, atingiu uma altura máxima de 2.082 quilômetros e percorreu 933 quilômetros em 39 minutos.

Esse novo teste representa um enorme avanço no programa armamentista do regime de Kim e gerou nova condenação da comunidade internacional.

O secretário de Estado dos Estados Unidos, Rex Tillerson, reforçou hoje a necessidade de uma ação global para deter a “ameaça mundial” representada pelo desenvolvimento do programa nuclear da Coreia do Norte.