Ancara - Pelo menos 24 guerrilheiros curdos morreram nesta sexta-feira ao serem repelidos pelas forças de segurança turcas quando atacaram duas delegacias na província de Hakkari, no extremo sudeste da Turquia, segundo a televisão pública "TRT".

O escritório do governador de Hakkari confirmou o ataque, realizado supostamente por membros do proscrito Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK), à delegacia de Güzelkonak, no município de Semdinli, mas disse que ainda não dispõe de dados sobre o número de mortos. 

Tópicos: Política, Turquia, Ásia, Europa, Violência urbana