Moscou - A Rússia decidiu cortar seus gastos na Copa do Mundo de 2018 em 6 bilhões de rublos (79 milhões de dólares), em um decreto divulgado em um site do governo nesta quinta-feira.

A Rússia já fez cortes em seu orçamento para o torneio, com a queda nos preços de suas exportações de petróleo e sanções ocidentais impostas a Moscou devido a seu papel na crise ucraniana apertando a economia e as receitas do governo.

Os custos totais da Copa do Mundo de 2018 foram reduzidos agora para 620,9 bilhões de rublos (8,2 bilhões de dólares), ante 626,9 bilhões de rublos, mostrou o decreto publicado nesta quinta-feira.

A Rússia conquistou o direito de receber o torneio em 2010 e desenvolveu o ambicioso plano de reconstruir estádios e hotéis.

De acordo com a agência de notícias Interfax, o decreto original do governo, assinado em 2013, estabeleceu os custos em 664 bilhões de rublos, mas desde então este número foi reduzido diversas vezes.

Tópicos: Esportes, Orçamento, Europa, Rússia, Ásia