Washington - Dois pacotes encontrados nesta terça-feira no Capitólio em Washington, sede do Legislativo dos Estados Unidos, obrigaram a polícia a evacuar um grupo de turistas e a cortar o trânsito, informou à Agência Efe um porta-voz das forças de segurança do Congresso.

O incidente aconteceu depois que ontem um homem armado entrou no Centro de Visitantes do Congresso, sacou uma pistola e semeou o caos ao apontar para um dos agentes que estavam conduzindo os visitantes enquanto estes passavam pelos detectores de metais.

Diante desta situação, um agente disparou contra o intruso, que já foi operado em um hospital da capital americana e se encontra detido.

O Centro de Visitantes do Congresso fechou ontem devido ao caos provocado pelos disparos, mas hoje voltou a abrir em seu horário habitual, de 08h15 às 16h30.

Pouco depois de abrir suas portas, a polícia do Capitólio encontrou um pacote que aparentemente não pertencia a ninguém e, por precaução, decidiu afastar um grupo de turistas que esperava fora do Centro de Visitantes do Congresso.

Um segundo pacote foi achado na praça próxima ao edifício Thomas Jefferson da Biblioteca do Congresso, acrescentou em comunicado a polícia do Capitólio.

A atividade policial provocou cortes de trânsito durante 45 minutos nas ruas próximas ao Capitólio, segundo informaram em sua conta no Twitter as forças de segurança do Senado.

As forças de segurança do Legislativo estão agora investigando a origem e características destes pacotes, dos quais não ofereceram mais detalhes.

O Congresso se encontra em período de recesso pelas festividades de Páscoa e não voltará à atividade legislativa regular até meados do próximo mês, mas muitos escritórios dos congressistas continuam seu trabalho e parte dos edifícios está aberta aos turistas.

Tópicos: Estados Unidos, Países ricos, Governo, Washington