Miami - Um cruzeiro que navegava pelo Golfo do México com mais de 4.200 pessoas a bordo está sendo rebocado nesta segunda-feira até a costa mexicana após ter ficado à deriva devido a um incêndio no compartimento dos motores.

A operadora da embarcação, a Carnival, disse que o cruzeiro deve chegar no porto de Progreso, no México, na quarta-feira. A companhia informou ainda que não houve feridos no incêndio, que ocorreu ontem.

O navio ficou à deriva a cerca de 250 quilômetros do litoral da península de Iucatã (México), depois que um dos motores falhou e provocou um incêndio que deixou a embarcação sem propulsão mecânica.

A bordo do cruzeiro "Triumph", que partiu na quinta-feira de Galveston, no Texas (EUA), e que voltaria hoje mesmo para esta mesma cidade, estavam 3.143 passageiros e 1.086 membros da tripulação.

A embarcação está sendo rebocada com a ajuda de navios da guarda-costeira dos Estados Unidos e de outro navio da Carnival. A companhia disse por meio de um comunicado que o sistema anti-incêndio detectou o problema no compartimento de motores e funcionou corretamente, por isso fogo não se propagou e foi debelado rapidamente.

Em janeiro de 2012, outro navio do grupo, o "Costa Concordia", sofreu um naufrágio em frente à ilha de Giglio, na Itália, em um acidente que terminou com 30 mortos. 

Tópicos: México, América Latina, Navios, Transportes