Aguarde...

Combustível | 13/02/2012 19:33

Importação de gasolina sobe 36% em janeiro

As importações de gasolina se aceleraram em 2011 após uma forte quebra de safra de cana-de-açúcar no centro-sul do Brasil

SXC.Hu

Posto de Gasolina

Analistas do Santander acreditam que a São Martinho deve ser mais prejudicada por intervenções do governo do que a Cosan

São Paulo - A Petrobras registrou uma alta de 36% nas importações de gasolina em janeiro, na comparação com o mesmo mês do ano passado, disse nesta segunda-feira o diretor de abastecimento da estatal, Paulo Roberto Costa. O executivo, que participou da cerimônia de posse da nova presidente da estatal, Maria das Graças Foster, não forneceu valores absolutos da importação em janeiro nem deu comparações com dezembro, quando a estatal chegou a importar volumes diários recordes de 100 mil barris.

Ele ainda estimou a importação de gasolina em 2012 em níveis semelhantes aos de 2011, quando somaram cerca de 45 mil barris por dia. As compras externas de combustíveis pesaram nos resultados da Petrobras no ano passado. As importações de gasolina se aceleraram em 2011 após uma forte quebra de safra de cana-de-açúcar no centro-sul do Brasil, principal região produtora de etanol, combustível que tem forte participação na matriz, mas que muitos motoristas deixaram de usar pelos preços pouco competitivos frente à gasolina, cujo valor é controlado pela Petrobras.

Queda do diesel

O diretor prevê queda nas compras externas de diesel, que atingiram 150 mil barris/dia no ano passado. Ele não forneceu dados comparativos. Disse que a Petrobras conseguirá isso com adaptações nas refinarias, visando aumentar a produção de gasolina e diesel para aliviar as importações.

Comentários (0)  

Editora Abril

Copyright © Editora Abril - Todos os direitos reservados