A Espanha recebeu 68,1 milhões de turistas estrangeiros em 2015, um novo recorde, com um aumento de 4,9% em relação ao ano anterior, anunciou nesta sexta-feira o Instituto Nacional de Estatísticas.

Este é o terceiro ano consecutivo em que o país registra um recorde histórico de visitantes estrangeiros, favorecida pelas dúvidas sobre a segurança em alguns de seus concorrentes da margem mediterrânea, como Tunísia, Egito ou Turquia.

Em 2014, quase 65 milhões de estrangeiros chegaram à Espanha, 7,1% a mais que no ano anterior.

O país se confirma, assim, como o terceiro destino mais visitado do mundo, atrás de França e Estados Unidos, e à frente da China.

O gasto dos visitantes, no entanto, caiu 2,1%, situando-se em 741 euros em média por pessoa, segundo empresa Exceltur.

Por países de origem, os britânicos foram por mais um ano o grupo mais numeroso a viajar para a Espanha (21,6% do total), seguido pelos franceses (16,1%) e pelos alemães (11,3%).

O ano de 2015 também registrou um grande aumento do número de visitantes dos Estados Unidos (+23,6%), favorecidos pela valorização do dólar em relação ao euro, embora também tenham crescido as chegadas a partir da Suíça (+9%) e da França (+8,9%).

Tópicos: Espanha, Europa, Piigs, Turismo, Setores