Jacarta - Dois dos vulcões mais ativos da Indonésia entraram em erupção, emitindo nuvens de fumaça e cinza, sem que as autoridades tenham informado de vítimas ou danos, informou nesta segunda-feira a imprensa local.

O vulcão Lokon, situado na ilha de Célebes, entrou em erupção no sábado à noite com forte atividade que criou uma nuvem de 1.500 metros de altura e verteu lava pela cratera.

Enquanto isso, na ilha de Ternate, no norte das ilhas Molucas, o vulcão Gamalama teve pelo menos duas erupções durante o fim de semana nas quais emitiu uma nuvem de mais de mil metros de altura que cobriu de cinza povoações próximas.

O porta-voz da Agência Nacional de Mitigação de Desastres, Sutopo Purwo Nugroho, disse que foi avisado às autoridades locais para que tomem medidas de precaução e chamem a população a estar em alerta.

"Os moradores não têm que ser evacuados mas não devem realizar nenhuma atividade a menos de cinco quilômetros do vulcão", segundo declarações de Sutopo, publicadas por 'The Jakarta Globe'.

O Lokon, de 1.580 metros de altura e situado a cerca de 20 quilômetros da capital regional, experimentou uma forte atividade nas últimas duas décadas.

O Gamalama, de 1.715 metros de altura, é um dos vulcões mais ativos na Indonésia e nos últimos 20 anos registrou múltiplas erupções.

Tópicos: Desastres naturais, Indonésia, Ásia, Vulcões