Aguarde...

Boca-de-urna | 11/04/2012 09:20

Coreia do Sul encerra eleições com resultado equilibrado

Segundo as pesquisas de boca-de-urna, as duas principais forças políticas do país teriam obtido um número semelhante de cadeiras

Index Award

Seul é considerada a cidade com melhor projeto de revitalização

Os resultados finais das eleições legislativas serão divulgados no fim desta quarta-feira

Seul - Os colégios eleitorais da Coreia do Sul fecharam nesta quarta-feira às 18h no horário local (6h em Brasília) com uma participação superior às eleições legislativas anteriores.

Uma hora antes do fechamento o índice de participação era de 49,3%, o que supera os 42,1% das últimas eleições de 2008 - o mais baixo da história -, mas permanece abaixo do índice de 55,3% registrado em 2004.

Segundo as primeiras pesquisas de boca-de-urna, as duas principais forças políticas da Coreia do Sul, o governante Saenuri e o progressista Partido Democrático Unificado (PDU), teriam obtido um número semelhante de cadeiras nas eleições legislativas.

Atualmente, Saenuri monopoliza 165 cadeiras no plenário, enquanto o PDU conta com 89.

Segundo os analistas, a alta participação teve um papel importante para equilibrar as forças na Assembleia Nacional, já que a mobilização dos jovens, em geral mais críticos com as políticas conservadoras do presidente Lee Myung-bak, foi maior.

As eleições desta quarta-feira aconteceram em um entorno regional marcado pelo iminente lançamento de um foguete de longo alcance por parte da Coreia do Norte, um assunto que despertou grande atenção internacional, mas permaneceu quase ausente na campanha e aparentemente não influenciou a decisão dos eleitores.

Os resultados finais das eleições legislativas serão divulgados no fim desta quarta-feira. Cerca de 40 milhões de cidadãos da Coreia do Sul, cuja população total é de 50 milhões, foram convocados às urnas desde as 6h (18h de terça-feira em Brasília) em 13.470 colégios eleitorais de todo o país. EFE

Comentários (0)  

Editora Abril

Copyright © Editora Abril - Todos os direitos reservados