Johanesburgo - O búfalo Horizon se tornou o animal mais caro da história da África do Sul, após ser vendido por 26 milhões de rands (US$ 3,1 milhões).

O macho, de quatro anos de idade, possui chifres de 130 centímetros de comprimento e foi adquirido por três criadores de gado de Rustenburg, a cerca de cem quilômetros ao noroeste de Johanesburgo, no transcurso de um leilão realizado no sábado em uma reserva particular em Bela-Bela (norte), informou nesta terça-feira o jornal sul-africano "Beeld".

No mesmo pregão, uma fêmea de búfalo grávida atingiu o preço de 5,2 milhões de rands (US$ 620 mil).

Horizon superou em 8 milhões de rands, cerca de US$ 955 mil, o recorde alcançado pelo búfalo Senatla, que foi vendido no ano passado em outro leilão.

Norman Adami, porta-voz da associação Stud de criadores de fauna selvagem, disse ao "Beeld" que este preço recorde mostra a enorme projeção da indústria da caça esportiva e de safáris na África do Sul.

Adami assegurou que a criação de fauna selvagem é um dos melhores investimentos que podem ser feitos no país, afirmando que esta indústria contribui com 10 bilhões de rands (US$ 1,194 bilhão) para a economia sul-africana.

A África do Sul é um dos destinos de maior reputação para a observação e a caça de fauna selvagem, e um dos poucos países do mundo no qual podem ser vistos os "cinco grandes": o búfalo, o elefante, o rinoceronte, o leão e o leopardo.

O leilão do sábado, do qual participaram mais de mil pessoas, arrecadou 122 milhões de rands, US$ 14,6 milhões, com a venda de búfalos e diversas espécies de antílopes. 

Tópicos: Animais, Leilões, África do Sul, África