Islamabad - Um ataque armado contra um veículo matou nesta sexta-feira seis trabalhadores de uma mina de carvão e deixou um ferido próximo da cidade de Mach, no oeste do Paquistão, informou à Agência Efe uma fonte das forças de segurança.

Vários homens armados interceptaram a caminhonete de uma companhia mineradora que transportava cerca de 15 operários, obrigaram os funcionários a descer e em seguida abriram fogo, segundo um responsável da guarda fronteiriça que opera na zona, Bashir Ahmed.

A fonte descartou que o ataque tenha motivações sectárias, já que nenhuma das vítimas pertencia à minoria xiita, numerosa na província de Baluchistão, onde ocorreu o ataque, e cenário habitual de ataques de grupos radicais sunitas.

O crime ocorreu no meio da tarde em Gashtri e a caminhonete se dirigia da cidade de Quetta para Mach, situada a cerca de 30 quilômetros ao sul.

Nenhum grupo reivindicou o atentado. O Baluchistão é uma região violenta onde operam várias organizações armadas separatistas e também facções talebans e jihadistas.

Tópicos: Crime, Paquistão, Ásia, Talibã, Islamismo