Negociador-chefe do governo colombiano põe cargo à disposão

"Vim dizer ao presidente que ponho a sua disposição meu cargo de chefe da delegação porque não serei obstáculo para o que vier", disse Lombana

Bogotá - O chefe negociador do governo <a href="http://www.exame.com.br/topicos/colombia"><strong>colombiano </strong></a>no processo de paz com as <a href="http://www.exame.com.br/topicos/farc"><strong>Farc</strong></a>, Humberto de la Calle Lombana, colocou nesta segunda-feira seu cargo à disposição do presidente Juan Manuel Santos após o triunfo do "não" no referendo que buscava validar o acordo de paz alcançado em Havana (Cuba).</p>

“Vim dizer ao presidente que ponho a sua disposição meu cargo de chefe da delegação porque não serei obstáculo para o que vier”, disse Lombana em seu primeiro discurso após a votação de ontem no qual o “não” obteve 6.431.376 votos (50,21%) frente aos 6.377.482 sufrágios a favor do “sim” (49,78%).