Morre suspeito que atacou policial ao fugir de Barcelona

Fontes da polícia regional da Catalunha disseram que encontraram o corpo do suspeito a três quilômetros de onde agentes tinham tentado detê-lo a tiros

Barcelona – O suspeito de tentar atropelar uma agente da polícia regional da Catalunha em uma barreira de controle na saída de Barcelona após o atentado desta quinta-feira foi encontrado morto dentro do veículo que dirigia, segundo fontes da corporação.

As mesmas fontes disseram que o corpo do suspeito foi encontrado a três quilômetros de onde agentes tinham tentado detê-lo a tiros.

O atentado terrorista ocorrido na cidade pouco depois das 17h (hora local; 12h de Brasília) deixou pelo menos 13 mortos e mais de 80 feridos, sendo 15 em estado muito grave.

A polícia deteve como suposto autor do ataque um jovem identificado como Driss Oukabir, de origem norte-africana e originário de Marselha, na França.

Fontes próximas da investigação disseram à Agência Efe que o suspeito tentou burlar por volta das 19h45 (hora local; 14h45 de Brasília) uma blitz montada na avenida Diagonal de Barcelona após o atentado.

Os agentes antiterror atiraram em direção ao motorista, que continuou a dirigir, mas foi localizado pouco depois, já sem vida, a cerca de três quilômetros da barreira policial.

O grupo jihadista Estado Islâmico (EI) assumiu a autoria do atentado em Barcelona, segundo sua agência de notícias, a “Amaq”.