Macron encosta em Fillon e Le Pen em pesquisa eleitoral na França

Candidato conservador François Fillon aparece com 28 por cento dos votos no primeiro turno, cerca de oito pontos a menos do que na última pesquisa

Paris – A vantagem do candidato conservador François Fillon na corrida presidencial francesa diminuiu, de acordo com uma pesquisa de opinião que mostra o independente Emmanuel Macron se aproximando tanto do ex-primeiro-ministro quanto de Marine Le Pen, líder da extrema-direita.

Numa série de cenários, Fillon aparece ganhando 28 por cento dos votos no primeiro turno, sete a oito pontos percentuais a menos do que na última pesquisa do instituto Elabe, divulgada pouco depois de ele ganhar a primária da centro-direita em novembro.

Le Pen ficaria em segundo no primeiro turno de abril e ganharia o direito de disputar o segundo turno com Fillon em todos os cenários, com a exceção de um, no qual Macron fica com o segundo posto.

Le Pen asseguraria entre 22 por cento e 24 por cento dos votos no primeiro turno, segundo o levantamento divulgado na quinta-feira pelo Elabe para o jornal financeiro Les Echos.

Isso representa uma leve queda em relação aos números de novembro.

Macron ficaria com entre 16 por cento e 24 por cento, mais do que na pesquisa do mês passado, com variações dependendo de quem os socialistas escolherem nas suas primárias neste mês, e se François Bayrou, um centrista como Macron, vai concorrer ou não.

Macron aparece consolidando a sua posição como o “terceiro homem” da eleição, se distanciando tanto do esquerdista Jean-Luc Melenchon quanto de qualquer outro candidato socialista tradicional, disse o instituto num texto que acompanha o levantamento.

O cenário no qual ele chega ao segundo turno é um onde o ex-ministro da Indústria Arnaud Montebourg é nomeado pelos socialistas, e não o favorito e ex-primeiro-ministro Manuel Valls, e no qual Bayrou não concorre.

O instituto Elabe não montou cenários para o segundo turno previsto para maio. Somente os dois primeiros colocados no primeiro turno vão para o segundo. Outras pesquisas mostram Fillon ganhando de Le Pen no segundo turno.

A pesquisa ouviu 995 pessoas em 3 e 4 de janeiro.