Lula chega a hospital para primeira sessão de radioterapia

Ex-presidente evitou a imprensa ao optar por uma entrada reservada, fora do alcance dos jornalistas

São Paulo – O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva chegou às 10h42 de hoje ao Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, onde inicia as sessões de radioterapia contra o câncer na laringe. Ele evitou a imprensa ao optar por uma entrada reservada, fora do alcance dos jornalistas.

O hospital informou que divulgará um boletim médico logo após o término da sessão de hoje, e não deve haver entrevista com a equipe médica que trata o ex-presidente. A sessão de radioterapia deve durar de dez a doze minutos.

Lula deve comparecer diariamente ao hospital por seis a sete semanas para o tratamento. A equipe de radioterapia será coordenada pelo médico João Luís Fernandes, coordenador do Serviço de Radioterapia do hospital. Para evitar o agravamento dos efeitos da radioterapia na boca e na garganta, Lula também será acompanhado por dentistas.