Itália resgata 550 imigrantes e recupera 2 corpos no Mediterrâneo

Os resgatados foram atendidos quando se encontravam a bordo de quatro botes em dificuldades e navegavam com destino ao litoral europeu

Roma – A Guarda Costeira da Itália informou nesta sexta-feira em comunicado que nas últimas horas coordenou o resgate de 550 pessoas e a recuperação de dois corpos no Mediterrâneo.

As autoridades italianas explicaram que os resgates foram realizados em quatro dispositivos de socorro coordenados pela Central Operacional da Guarda Costeira em Roma, dependente do Ministério das Infraestruturas e Transportes.

Os resgatados foram atendidos quando se encontravam a bordo de quatro botes em dificuldades e navegavam com destino ao litoral europeu.

O Unicef lamentou hoje que mais de 25.800 menores não acompanhados tenham chegado ao litoral da Itália após atravessar o Mediterrâneo em 2016, número que se duplicou em relação ao registrado em 2015.

Além disso, no último dia 6 de janeiro a Organização Internacional de Migrações denunciou que, durante o ano passado, 5.079 pessoas morreram em sua tentativa de atravessar o Mediterrâneo, em comparação com as 3.777 que morreram em 2015 e as 3.279 em 2014.