Itália recebe imigrantes no porto de Catania

Ministério italiano do Interior calcula que 5.000 imigrantes em média chegarão a cada semana até setembro às costas do país

Roma – Duzentos e vinte imigrantes desembarcaram nesta quinta-feira no porto de Catania (Sicília), os mais recentes de um fluxo contínuo de migrantes, que pode alcançar 5.000 por semana até setembro, segundo as projeções do ministério italiano do Interior.

A embarcação “Denaro”, da Guarda Costeira, chegou durante a manhã ao porto siciliano, depois de auxiliar os imigrantes clandestinos, incluindo três mulheres, a 40 km da costa da Líbia.

Os imigrantes viajavam em duas lanchas improvisadas de pneus, de 14 metros cada, que estavam à deriva.

O ministério italiano do Interior calcula que 5.000 imigrantes em média chegarão a cada semana até setembro às costas do país.

Se o número for confirmado, significaria a entrada de 200.000 migrantes na Itália em 2015.

O diretor do setor de imigração do ministério, Mario Morcone, citado pelo jornal Il Messaggero, afirmou que a Itália abriga atualmente 81.000 pessoas, incluindo 13.000 menores de idade não acompanhados, que deverão ser deslocadas para várias regiões.

Os chefes de Estado e de Governo da União Europeia participam nesta quinta-feira em uma reunião extraordinária para debater as medidas contra os traficantes de imigrantes na Líbia, depois do naufrágio de uma embarcação no domingo que deixou 800 mortos.