Israel: Netanyahu amplia vantagem sobre a oposição

De acordo com uma pesquisa do jornal Haaretz, a atual maioria governista conseguiria 68 cadeiras das 120 do Parlamento, contra 52 para os partidos da oposição

Jerusalém – A coalizão de direita do primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, ampliou a vantagem sobre os partidos de oposição, de centro e esquerda, segundo duas pesquisas divulgadas nesta quinta-feira depois do anúncio das eleições legislativas antecipadas para o início de 2013.

De acordo com uma pesquisa do jornal Haaretz, a atual maioria governista – composta pelo Likud, partido do premier, e formações religiosas e ultranacionalistas -, conseguiria 68 cadeiras das 120 do Parlamento, contra 52 para os partidos da oposição.

Se o resultado for confirmado nas urnas, Netanyahu permanecerá no poder e conseguirá formar uma coalizão com facilidade.

Outra pesquisa, publicada pelo jornal Maariv, aponta a eleição de 66 deputados pela coalizão de Netanyahu.

Além disso, a popularidade de Netanyahu, em queda nos últimos meses, subiu: 45% das pessoas entrevistadas manifestaram satisfação com o governo, contra 30% em uma pesquisa realizada há duas semanas.

Mas a pesquisa também aponta que Tzipi Livni, ex-dirigente do partido de centro de oposição Kadima, tem mais popularidade que Netanyahu.