Iberia reafirma aposta no Brasil apesar do momento econômico

A empresa está apostando na publicidade para que o Brasil confie em uma companhia aérea diferente das mais conhecidas e moderna

São Paulo – A companhia aérea espanhola Iberia reafirmou nesta quinta-feira sua aposta no Brasil, que classificou como o “mais importante” mercado da América Latina, apesar do delicado momento econômico que o país atravessa, tendo crescido apenas 0,1% no ano passado.

Durante um café da manhã com jornalistas em São Paulo, o presidente da Iberia, Luis Gallego, se mostrou “otimista” sobre a atuação da companhia no Brasil e disse confiar no aumento da demanda no país nos próximos anos.

“Em 2014 introduzimos capacidade no mercado brasileiro e a demanda acompanhou. As previsões econômicas (no Brasil) não são boas, mas podemos continuar ganhando mercado”, comentou Gallego, que lançou hoje a nova campanha da Iberia para o país.

A economia brasileira está em um momento de inflexão, com crescimento praticamente estagnado, inflação em alta, juros básicos de 12,75% e contas públicas no vermelho, cenário que obrigou o governo federal a adotar um importante ajuste fiscal.

A situação parece que não será revertida neste ano, segundo as projeções dos analistas do mercado financeiro, mas apesar das turbulências econômicas, Gallego ressaltou que a companhia aérea estabeleceu um objetivo “de longo prazo” no Brasil, principal mercado da Iberia na América Latina.

“Após obter lucros (em 2014), o Brasil é o mercado onde mais investimentos fizemos. Apostamos nele, e se não confiássemos, não estaríamos aqui”, declarou o diretor de Comunicação da companhia aérea, Juan Cierco.

O presidente da Iberia não revelou o volume do investimento que a empresa pretende realizar no Brasil entre 2015 e 2016, já que, conforme explicou, os dados poderiam afetar a cotação da empresa nas Bolsas de Valores de Madri e de Londres.

Porém, Gallego declarou que a companhia está investindo mais de um bilhão de euros (US$ 1,262 bilhão) globalmente em um processo de reestruturação. Esse processo começou no final de 2012 e fez com que a companhia passasse de um cenário de perdas de 351 milhões de euros em 2012 para um lucro de 50 milhões de euros em 2014.

Dentro dessa reestruturação, a Iberia lançou uma nova imagem na Espanha no final de 2013, que foi apresentada hoje no Brasil com o slogan “Olá Europa, Hola Brasil”.

“Estamos aumentando o investimento em publicidade. Queremos que o Brasil confie em uma companhia aérea diferente da que conheceu até agora, moderna, com uma gestão diferente”, ressaltou Gallego.

Assim como na Espanha, a nova mudança de imagem vem acompanhada por uma expansão da oferta e pela introdução de novos aviões, mais confortáveis, com os quais a companhia aérea espanhola pretende atrair mais clientes.

A Iberia já está operando alguns de seus voos que partem do Brasil com o Airbus A330/300, o mais moderno de sua frota, e no final deste ano receberá uma nova leva de modelos Airbus A330/200 e A350, que também farão rotas para a América Latina.

A Iberia anunciou no ano passado mais de 30 novas rotas, incluindo 18 destinos com saídas de Rio de Janeiro e São Paulo, enquanto os novos share codes (códigos compartilhados) com a companhia aérea brasileira TAM oferecem conexões a mais de dez cidades brasileiras, ressaltou Gallego.

A campanha está baseada em uma semelhança linguística entre a saudação espanhola e a brasileira: “Hola” na Espanha e “Olá” no Brasil, diferença que, segundo a companhia, também evidência as afinidades entre os países, assim como entre as línguas castelhana e portuguesa.

“A marca representa os valores da Espanha e ao mesmo tempo reúne os valores de modernidade, eficiência e afinidade que a empresa deseja transmitir”, ressaltou a diretora de Marketing da Iberia, Carolina Martinoli, durante a apresentação da nova marca no Brasil.